Menina mulher

30 de Janeiro de 2018

Os caminhos nunca acabam…
às vezes, acaba, sim, a vontade de andar

De onde
te vem
o sorriso,
menina?

Construíste,
arduamente,
os teus caminhos.

Caíste,
seis vezes,
mas sorris,
sabes que acabas
sempre,
sempre,
por te reerguer.

Tivesse eu
a tua certeza.

Agora,
que quero parar,
o teu sorriso gaiato,
mulher-menina,
impele-me
a andar.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.